Atualize seu navegador!
Notícias

Impossível não se emocionar

É impossível não se emocionar com O Semeador. Logo na abertura da 12ª edição, a performance dos alunos da Escola Girassol – APAE levou às lágrimas não somente a diretora da instituição, Maria Goreti Ehlke, mas muitas pessoas que novamente prestigiaram a iniciativa da noite fria de quarta-feira. A baixa temperatura, porém, ficou do lado de fora da Sociedade Desportiva Bandeirantes, diante do calor humano que tomou conta do espetáculo artístico, com cunho beneficente.

A emoção fez-se presente de diferentes maneiras. Na apresentação pós-acidente automobilístico de Leandro Panneitz. Na poesia contestadora de Patativa do Assaré, declamada por Aparecido Vasconcelos em homenagem à luta dos professores grevistas. Na apresentação conjunta de pai e filho, Vitor e Rafael “Pança” Buchmann. Nos abraços infinitos em Zulma Grossl, primeira diretora da escola especial, na qual permaneceu por 35 anos. Na sensibilidade criadora do artista que vê escultura em uma pedra qualquer, como mencionou Donald Malschitzky, e em outras apresentações que doaram seu talento ao evento por conta de sua causa tão nobre.

Durante mais de duas horas, músicas, poemas e encenações arrancaram aplausos e suspiros. A propósito, “o que seria do artista de não fosse o público que aprecia sua arte”, como definiu Harriet Hackbarth, presidente da APAE, entidade contemplada com os recursos do evento deste ano. “Recebam 150 abraços como forma de agradecimento”, disse, em alusão ao total de alunos atendidos por cerca de 60 profissionais. Harriet finalizou seu discurso com um provérbio chinês, antes do início das apresentações dos artistas, que não cobraram cachê: “Um pouco de perfume sempre fica na mão de quem oferece flores”.

 

Utilização da verba

A presidente da APAE citou que a entidade atualmente conta com 60 profissionais e que a verba será utilizada para finalizar o projeto preventivo de incêndio no prédio da escola, que completa 45 anos amanhã.


Fonte: Jornal A Gazeta, 2 e 3 de maio de 2015.