Atualize seu navegador!
Notícias

Inicia a Semana da Pessoa com Deficiência

O dia D é amanhã, com palestras em escolas municipais de São Bento

O som do berimbau e os movimentos plásticos da capoeira, sob o comando do mestre Andrei Padilha (Guerreiros Camará), empolgaram os alunos da Escola Girassol, no início da tarde de ontem. Segundo a diretora do estabelecimento, Maria Goreti Ehlke, estuda-se a possibilidade de passar a oferecer a atividade na escola, por meio de uma parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social.

O mestre Padilha até mesmo ensaiou com alguns alunos breves passos de capoeira, um misto de arte marcial, música, dança e esporte. A atividade iniciou a programação da Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla, cuja abertura oficial ocorre hoje, na Escola Básica Municipal Dalmir Pedro Cubas, em Serra Alta, a partir das 9h30, com palestra.

O dia D da programação é amanhã, Dia Municipal de Prevenção de Deficiências, com palestras em escolas da rede municipal. Neste dia, a Escola Girassol – que atende a 150 alunos – não abre por conta disso. No sábado, a programação continua com uma missa na Igreja Matriz Puríssimo Coração de Maria, às 19 horas. Na segunda-feira, mais uma iniciativa visando a integração escola/comunidade ocorre na Escola Girassol, com apresentação de dança da Escola Municipal Hercilio Malinowsky, do bairro Dona Francisca.

Durante a semana que vem, também estão previstas atividades, como o show de talentos (terça-feira) e a parada pedagógica (quinta). Na sexta-feira, é a vez da já tradicional Feira da Integração, evento que ocorre na própria escola e é aberto a comunidade. Em setembro, ainda há o Seminário de Prevenção de Deficiências, com o geneticista Guilherme Colin, de Joinville.

Outras atividades

As atividades da Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla começaram já no início do mês, com a reunião com os pais para entrega de boletins, exposição de artes plásticas (com obras dos alunos) no Germânia Super Center e na Prefeitura, palestra do programa Compreender para Prevenir para o Movimento de Casais Cursilhistas e para multiplicadores, exposição de livros adaptados na Biblioteca Municipal Luiz de Vasconcellos e visita à exposição “A imagem antes da obra e depois dos olhos”, no SESC.


Fonte: Jornal A Gazeta, 20 de agosto de 2015.